Curso de Antroposofia para Profissionais da Área da Saúde - 

Curso Básico (Pré- requisito para a Formação em Medicina Antroposófica)

A Associação Brasileira de Medicina Antroposófica iniciou em 1994 o 1o Curso de Formação em Medicina e Terapias Antroposóficas em São Paulo, nos moldes de Especialização Latu Sensu (Cursos Livres - Lei no 9.394 - Diretrizes e Bases da Educação Nacional) que possibilitam conhecimento e atualização na Antroposofia (Capacitação pedagógica). Em 1998, com a formação das regionais da ABMA, possibilitou-se a formação em outros estados do Brasil.

Em São Paulo, atualmente, estamos no 17º Curso de Antroposofia para Profissionais da Área da Saúde. Em março de 2019 inicia o 18º Curso de Antroposofia para Profissionais da Área da Saúde, pré-requisito para o curso de formação em Medicina antroposófica (18º Formação em Medicina Antroposófica, dirigido para médicos, mas aberto para participação de odontólogos, em 2020).

Os Cursos de Antroposofia para Profissionais da Área da Saúde seguem as diretrizes da Comissão de Ensino da ABMA, ligada a Seção Médica do Goetheanun. O curriculum segue o modelo internacional, Core Curriculum.

Objetivos

O Curso de Antroposofia para Profissionais da Área da Saúde, organizado pela Associação Brasileira de Medicina Antroposófica Regional São Paulo (ABMA-SP), é um curso de capacitação pedagógica que almeja trabalhar os conceitos que fundamentam a Antroposofia e que servem de alicerce à sua prática. Fornecer informações que preencham lacunas para quem já conhece alguns conceitos antroposóficos e uma introdução ao pensamento do filósofo e educador austríaco Rudolf Steiner (1861 – 1925) para quem deseja conhecê-lo. Visa estimular o interesse na continuidade deste estudo, permitindo que uma eventual formação sistemática possa ser feita sobre uma base mais sólida.

O objetivo do curso é familiarizar o profissional de saúde com os conceitos teóricos da Antroposofia, e prover as bases para que ele possa compreender e tratar a doença considerando as suas dimensões corpóreas, anímicas e espirituais.

Na formação para os profissionais médicos uma atenção especial é dada ao estímulo e à prática do caminho de desenvolvimento ético, social e espiritual do profissional. Apresentando a meta constante da Dr. Ita Wegman e de Rudolf Steiner “Renovar a antiga essência dos mistérios e fazê-la fluir para a medicina”; “complementar o que havia na compreensão dos processos da doença e da cura com o que pode fluir de um verdadeiro conhecimento do espírito”; “reconhecendo plenamente os princípios da medicina que trabalha os métodos científicos reconhecidos atualmente, o conteúdo a ser colocado em prática pela Medicina Antroposófica, só deve ser colocado em prática, na arte médica ampliada, por médicos plenamente qualificados no princípios científicos”. GA 27.


O curso visa:

  • Introdução à antropologia, fisiologia, patologia, diagnóstico, e terapêutica do ponto de vista da MA.
  • Conhecimento e habilidade para estabelecer uma relação médico-paciente baseada na confiança e na autonomia.
  • Aprender a pesquisar a bibliografia sobre a pesquisa médica antroposófica atual.
  • Estímulo para o desenvolvimento individual do seu próprio estudo e pesquisa.
  • Oportunidades de auto-desenvolvimento e reflexão.

Público Alvo do Curso de Antroposofia para Profissionais da Área da Saúde

(Curso Básico – 1º ano)

Destinado aos médicos e a todos os profissionais da área da saúde (odontólogos, farmacêuticos, enfermeiros, veterinários, fonoaudiólogos, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, psicólogos) e profissionais ou estudantes das áreas terapêuticas antroposóficas (terapia artística, euritimia curativa, cantoterapia e massagem rítmica), referendados pela instituição responsável, que buscam aperfeiçoar sua prática, ampliar a arte de cuidar do ser humano, que desejam aprofundar seu conhecimento em Antroposofia e que buscam um caminho de autodesenvolvimento.

Metodologia

O curso é realizado com 8 módulos teórico-práticos, aos sábados e domingos das 8 às 18 horas, que acontecerão uma vez ao mês e com aprofundamento durante os intensivos, realizados duas vezes ao ano, com duração de 4 dias e meio cada.

As aulas teóricas são expositivas e presenciais, com apostilas ou referências bibliográficas que estarão sendo disponibilizadas para aquisição durante os módulos. As principais referências já se encontram divulgadas aqui.

Nas aulas práticas são proporcionadas vivências nas diversas terapias complementares ao tratamento médico, são elas a terapia artística, euritmia curativa, massagem rítmica, aplicações externas, quirofonética e musicoterapia.etc.

Nas vivências os temas são sempre relacionados com as aulas teóricas.

Atividades programadas para promover o estudo independente, diz respeito principalmente ao tempo dedicado ao preparo e acompanhamento das atividades presenciais nos módulos, bem como trabalho independente de estudo do conteúdo ministrado nos mesmos.

Nos módulos intensivos, é proporcionado para os alunos o aprofundamento em alguns temas, também com aulas teóricas e práticas.

A participação em grupos de estudos, também está disponível para alunos e ex-alunos. Os grupos de estudos acontecem durante os dias de semana na Casa de Rudolf Steiner e na Clínica Tobias.

Na formação médica é obrigatória a participação em estágios práticos que são oferecidos pela ABMA- Regional São Paulo.

Requisitos para Participação

  • Ser profissional da Área da Saúde com nível superior completo ou cursando o último ano da faculdade (medicina, odontologia, farmácia, enfermagem, veterinária, fonoaudiologia, nutrição, fisioterapia, terapia ocupacional, psicologia) e profissionais ou estudantes das áreas terapêuticas antroposóficas, referendados pela instituição responsável;
  • Para o segundo ano (Formação em Medicina Antroposófica): dirigida para médicos, ou acadêmicos em medicina no último ano da faculdade, que tenham cursado o primeiro ano, curso pré-requisito;
  • Preencher ficha de inscrição a partir de outubro de 2018.
  • Apresentar Curriculum vitae e fotocopia autenticada do conselho correspondente (ou comprovar que está em formação);
  • Realizar entrevista, quando solicitado pela coordenação;

Estrutura

O Curso de Antroposofia para Profissionais da Área da Saúde (primeiro ano) é pré requisito para a o Curso de Formação em Medicina Antroposófica (segundo ano):

Primeiro ano: Curso Básico para Profissionais da Área da Saúde Para médicos, profissionais da Área da saúde (odontólogos, farmacêuticos, enfermeiros, veterinários, fonoaudiólogos, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, psicólogos) e profissionais ou estudantes das áreas terapêuticas antroposóficas (terapia artística, euritimia curativa, cantoterapia e massagem rítmica), referendados pela instituição responsável.

Segundo ano: Formação em Medicina Antroposófica Dirigido para médicos, mas aberto para participação de odontólogos.

Duração

Cada fase tem a duração de 12 meses, constituída por oito módulos de finais de semana (aos sábados e domingos das 8 às 18 horas) que acontecerão uma vez ao mês, e dois módulos intensivos, de quatro dias e meio de duração cada (realizados nos meses de janeiro e julho).

Segundo ano: Formação em Medicina Antroposófica Dirigido para médicos, mas aberto para participação de odontólogos.

selos-abma
 

Requisitos para certificação

Curso Básico: Antroposofia para profissionais da área da saúde:

Outros Profissionais (e os médicos com frequência irregular) receberão Declaração de Frequência, onde constam os módulos e intensivos nos quais participaram, com número de horas, assinado pelo coordenador do curso.

Profissionais Médicos: (Veja também a Formação em Medicina Antroposófica)

Para obter o Certificado de Formação em Medicina Antroposófica, após os dois anos de cursos (dias fases) o aluno deve demonstrar:

  • Frequência: 75% de participação em cada módulo de final de semana nas fases 1 e 2, e 100% de participação nos intensivos das fases 1 e 2. 
  • Estágios práticos: mínimo de 200 horas, sendo que 50 horas precisarão obrigatoriamente ser cumpridas em atividade ambulatorial – atendimento clínico em ambulatórios administrados pelas ABMA-regionais ou em acompanhamento de atendimento clínico efetuado por colegas médicos antroposóficos em suas clínicas privadas. As 200 horas restantes poderão também ser cumpridas em atividade ambulatorial e/ou participação em grupos de estudos para casos clínicos, discussão de medicações ou outras terapias antroposóficas, reconhecidos pela CE-regional, e/ou de participação em eventos de MA promovidos pela ABMA-nacional ou ABMA-regionais, tais como cursos, simpósios ou congressos. As atividades ambulatoriais e em grupos de estudo deverão ser supervisionadas por médicos antroposóficos certificados. Em relação às atividades ambulatoriais solicita-se ainda o registro de frequência em folha assinada pelo supervisor que deverá ser devidamente arquivada nas ABMA-regionais.
  • Atividades programadas: estudo independente
  • Relato de três casos clínicos.
  • Projeto de trabalho de conclusão de curso (TCC): Um ou até três trabalhos devem ser escritos e não devem exceder 15 páginas no total. O tópico está relacionado à Medicina Antroposófica e à atual formação médica antroposófica do formando.
  • Avaliação final
ATENÇÃO

A Formação de turma em cada área está sujeita ao número mínimo de alunos.

Local

Módulos final de semana:

Casa de Rudolf Steiner
Rua Pereira Leite, 156 – Sumarezinho
São Paulo, CEP 05442-000, Brasil