Realizado na primeira semana de setembro, entre os dias 06 a 09 de setembro, o Congresso Médico Pedagógico, com o tema “O Movimento do Sangue e do Coração”. O tema central do encontro abordou que a fisiologia atual confirma o que disse Rudolf Steiner: O coração não é a causa, mas sim a consequência do movimento sanguíneo. Isso possibilita a compreensão da função do coração como órgão de percepção no sentir humano e na formação do carma. Com isso tocamos o mistério do coração etérico – a transformação na puberdade.

O congresso foi organizado pela Associação Brasileira de Medicina Antroposófica - Nacional, com destaque para a Dra. Rita Rahme e Dra. Sheila Grande, com o apoio da Associação Brasileira de Medicina Antroposófica - Regional São Paulo, Weleda do Brasil, Federação das Escolas Waldorf do Brasil, Associação Beneficente Tobias, Clinica Tobias e Sociedade Antroposófica no Brasil.

Como palestrante principal Dr. Armin Husemann, clinico geral, Diretor da Eugen-Kolisko-Akademie na Filderklinik em Stuttgart, autor do livro “A Harmonia do Corpo Humano”, traduzido pela Editora João de Barro e texto publicado pela Revista Arte Médica Ampliada “Não é o coração que propulsiona o sangue, mas o sangue o coração” (Voluma 30 – número 1 – Outono). Dr. Med. Emmi Husemann, pediatra, médica escolar na Escola Waldorf Livre Uhlandshöhe, em Stuttgart. Marilucia Fernandez, professora de Ginástica Bothmer na Escola Waldorf Livre Uhlandshöhe, em Stuttgart. Marcelo S. Petraglia, pesquisador musical, diretor da OuvirAtivo e coordenador do curso Antropomúsica. Pikko Ollilainen, euritmista Curativa da Filderklinik, em Stuttgart. Renate Nisch, docente da Formação de Eurritmia Artística. Meca Vargas e Francisca Cavalcante, canto. Como tradutora do evento esteve presente a Dra. Sonia Setzer.

A viagem da família do Dr. Armin Husemann ao Brasil foi marcada por momentos importantes, como a visita a Associação Comunitária Monte Azul e a Associação Beneficente Parsifal.

Estiveram presentes mais de 160 congressistas entre médicos, educadores e profissionais da área da saúde do nordeste, sudeste e sul do Brasil e também congressistas de outros países como a Argentina, esgotando as vagas disponíveis para o evento.

O congresso contou todas as manhãs com as apresentações de eurritmia e a apresentação da Orquestra do Limiar com a regência do Dr. Samir Rahme.